Uma semana após entrar em funcionamento, a tenda de triagem no estacionamento da UPA 24h em Rio do Sul já ajudou a reduzir a demanda de outras unidades de atendimento de saúde no município. O espaço tem exclusividade para pessoas que apresentam sintomas de febre, gripe, tosse ou dificuldade de respirar que podem indicar a suspeita de novo coronavírus.

Aberto oficialmente na quinta-feira 19, e disponível diariamente das 9h às 21h, inclusive nos finais de semana, o espaço conta com equipe da Secretaria de Saúde pronta para fazer a primeira abordagem, tirar dúvidas e, se necessário, encaminhar o paciente para consulta médica, também em local exclusivo.

Até ontem, 206 pessoas haviam passado pela tenda e, destas, 15 apresentaram sintomas que exigiram atendimento médico. Mas todos os casos foram recomendados ao paciente ficar em casa em repouso.

Na avaliação do chefe da equipe médica da Secretaria de Saúde de Rio do Sul, Ricardo Ribeiro, o trabalho de triagem na tenda tem sido muito positivo. A ideia não era apenas desafogar os locais de pronto atendimento, mas montar um fluxo onde se possa evitar ao máximo a contaminação cruzada, já que pacientes com sintomas não podem estar em locais de atendimento de pessoas com outros tipos de doenças ou problemas.

“As pessoas estão realmente aderindo ao isolamento, percebendo que os pronto atendimentos são lugares de risco para o novo coronavírus, e devem procurar apenas em situações de emergência”, explica. Ele ressalta que estas medidas facilitam o trabalho das equipes de saúde, pois é necessário atendimento focado nas pessoas que realmente precisam e que venham a necessitar de auxílio em caráter de urgência.

Serviço de telefone 199 já chega a mil ligações

O serviço de atendimento da população pelo telefone 199 criado pela prefeitura de Rio do Sul já teve cerca de mil ligações atendidas desde a semana passada. São na maioria pessoas que tem dúvidas variadas sobre saúde, questões clínicas relacionadas à gripe e ao novo coronavírus, além de assuntos de utilidade pública.

Disponível pelo telefone 199, o atendimento começa, às 7h e termina 22h, feito por equipe da Secretaria de Saúde que vem se revezando desde quarta-feira da semana passada para atender a demanda. O dia com maior movimento de ligações foi na segunda-feira 23, com 215 chamados.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui