Quem recebeu rendimentos tributáveis acima de 28.559,70 em 2019, deve fazer a declaração do IR (Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil)

O prazo para apresentação da declaração do Imposto de Renda do exercício 2020, ano-base 2019, começa em 2 de março e segue até o dia 30 de abril. 

As regras para este ano, divulgadas na quarta-feira 19, pela Receita Federal, confirmam que a tabela não foi corrigida pelo índice da inflação. Na prática, ao não fazer a correção, o governo realiza um aumento de impostos. 

Deve declarar o Imposto de Renda neste ano quem recebeu rendimentos tributáveis acima de 28.559,70 em 2019. O valor é o mesmo da declaração do ano passado.

A multa para o contribuinte que não fizer a declaração ou entregá-la fora do prazo será de, no mínimo, R$ 165,74. O valor máximo será correspondente a 20% do imposto devido.

Os contribuintes que enviarem a declaração no início do prazo, sem pendências, vão receber mais cedo as restituições do Imposto de Renda, se tiverem direito a ela. Idosos, portadores de doença grave e deficientes físicos ou mentais têm prioridade.

Mais informações sobre a entrega da declaração desde ano estão disponíveis no site: receita.economia.gov.br

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui