Camisetas do SINSPURS

De acordo com a presidenta do SINSPURS, Marilene Back Espindola, o Sindicato recebeu a proposta de alteração da Lei Complementar 208/2010, que alterou em 2010 o Plano de Carreira dos servidores, que vai mudar a política de cargos e salários da prefeitura de Rio do Sul. “Recebemos a proposta há dois meses e desde então o Sindicato vem dialogando com os servidores, em várias reuniões e uma assembleia realizada no dia dez de julho. Após essas reuniões e assembleia, o Sindicato encaminhou a contraproposta ao Executivo Municipal”, relatou Marilene.

No entanto, segundo Marilene, no dia 2 de agosto o Sindicato recebeu a proposta que a secretaria de Administração enviou para tramitação na  Câmara de Vereadores “sem considerar a maioria das contrapropostas da Sindicato. Fiquei muito preocupada porque a maioria das contrapropostas – que elaboramos com a participação de todos os servidores, por meio das representações de base, de local de trabalho – não foi aceita por parte do governo”, salienta Marilene

“Diante disso, o Sindicato vem construindo um processo de luta, dialogando com os servidores, mobilizando a categoria, na tentativa de melhorar essa proposta do Executivo, que já tramita como Projeto de Lei no Legislativo”, explicou a sindicalista, que completou pedindo o apoio de todos os servidores.

O Sindicato está distribuindo camisetas para os servidores associados gratuitamente. Para os não associados, tem uma taxa de R$ 10,00. “A camiseta é parte de nossa manifestação para conseguir fazer o governo reconsiderar nossas contrapropostas ao Projeto de Lei que está na Câmara. Queremos respeito e diálogo”, afirmou Marilene.

De olho na tramitação na Câmara

“Quando o Sindicato souber que o Projeto de Lei vai a votação na Câmara de Vereadores, vamos avisar os servidores através dos representantes dos locais de trabalho e contamos com a presença de todos na sessão da Câmara, porque, como sempre afirmamos: o Sindicato somos todos nós”, finalizou Marilene.

Na tarde desta quinta-feira, 9, a direção do SINSPURS se reuniu com vereadores para tratar do Projeto de Lei.

Considerações do Sindicato

O SINSPURS apresentou dados que desde 2010, quando o Plano de Carreira foi alterado pela Lei Complementar 208/2010, o município aumentou a arrecadação em 80%, mas os servidores tiveram aumento de apenas 44%. Além disso, os salários estão defasados. O gasto com pessoal está bem abaixo da situação de alerta prevista pela Lei de Responsabilidade Fiscal, dando margem para corrigir a defasagem salarial dos servidores.

Em documento do SINSPURS é feito o seguinte questionamento: Os auxiliares de serviço geral atualmente ganham o equivalente a um salário mínimo mensal, sendo um dos piores salários da Região e, por outro lado, o subsídio do prefeito é o terceiro maior do estado de Santa Catarina.

Dia do Basta

O SINSPURS participou do “Dia do Basta”, nesta sexta-feira, 10, com ato organizado pela CUT Vale, realizado em Apiúna. Por causa desse protesto, o SINSPURS manteve as portas fechadas o dia todo.

Para dar um basta aos desmandos provocados pelo ilegítimo governo Temer, a CUT e demais centrais estão promovendo o “Dia do Basta”, com paralisações no local de trabalho e atos públicos por todo País.

Marilene distribui jornal do “Dia do Basta” na BR-470, em Apiúna