Projeto promove debate sobre a presença indígena no Alto Vale do Itajaí

Atividades expositivas com historiadores já contemplou escolas da região e terá atividades na Fundação Cultural

0
155
Terra Indígena Laklãnõ é uma área indígena brasileira, situada no estado de Santa Catarina, entre os municípios de Doutor Pedrinho, Itaiópolis, José Boiteux, e Vitor Meireles (Foto: Divulgação)

Os historiadores Rodrigo Wartha e Catia Dagnoni realizarão nas próximas semanas ações do projeto “O índio ontem e hoje: subsídios para a implantação da lei 11.645/2008” na Fundação Cultural de Rio do Sul. O projeto, que já contemplou dez escolas públicas no Alto Vale do Itajaí, foi selecionado pelo Edital Elisabete Anderle de Incentivo a Cultura (2019). As atividades dias 07, 14, 18 e 19 de maio, 18h30, são relativas à contrapartida do projeto, sendo realizadas com limitação de público e medidas de proteção estipuladas devido à pandemia. Contato para agendamento de participação: (47) 98451 8075, com Rodrigo Wartha.

O principal objetivo da atividade é evidenciar a presença do indígena na formação do tecido social do Alto Vale do Itajaí, a trajetória marcada por embates e seus desafios. Também marca a atividade os desafios atuais que perpassam os indígenas serem temas diversos que estão entrelaçados no cotidiano como território, religiosidade e cultura – elementos destacados ao público. Desta forma, cria-se relações de historicidade entre o passado e o presente indígena.

As atividades serão realizadas pela pesquisadora doutora Catia Dagnoni, que estuda o tema há mais de duas décadas, e pelo doutorando Rodrigo Wartha (UDESC), pesquisador do tema já por mais de dez anos. Neste sentido, as atividades terão como metodologia a fotografia e contribuem na implementação da lei 11.645/2008, que pretende introduzir a discussão da cultura e história indígena em todas as escolas no Brasil, promovendo a discussão sobre a diversidade cultural indígena.

Projeto “O índio ontem e hoje: subsídios para a implantação da lei 11.645/2008”

Datas: 07, 14, 18 e 19 de maio

Horário: 18h30

Fundação Cultural de Rio do Sul (Rua Ruy Barbosa, 204, bairro Budag)

Contato para agendamento: (47) 98451 8075, com Rodrigo Wartha