O aprendizado é desenvolvido com base em projetos práticos (Foto: Divulgação SESI)

Material corregido

Quem frequenta as aulas da Educação de Jovens e Adultos (EJA), do SESI/SENAI de Rio do Sul, além de concluir os estudos, também desenvolve habilidades aplicáveis no dia a dia.

O aprendizado é desenvolvido com base em projetos práticos. Por exemplo, na disciplina de Ciências da Natureza e suas Tecnologias (CNT) os alunos realizam pesquisas e experiências em casa, com materiais de fácil acesso e baixo custo, depois compartilham por vídeo as explicações sobre os fenômenos, relacionando com o cotidiano.

Os conteúdos de CNT envolvem eletrostática, reações químicas, óptica, equilíbrio (mecânica), mecânica dos fluidos, soluções ácidas e básicas, entre outros. Uma das aulas, realizada antes da pandemia, foi sobre Plantas Alimentícias não Convencionais (PANCs), que crescem espontaneamente e são consideradas como “mato”, mas na verdade possuem uma quantia de minerais, fibras, antioxidantes e proteínas bem maior do que as plantas convencionais. A experiência foi produzir pratos com as PANCs para serem provados pela turma.

As aulas acontecem uma a duas vezes por semana, no SESI, com todos os cuidados do protocolo da FIESC para prevenção ao Covid-19. O restante da carga horária é virtual. Pode se inscrever quem tiver a partir de 18 anos. O curso é gratuito para trabalhadores da indústria.

Outra vantagem da EJA é que além de completar o Ensino Médio em apenas 13 meses, também há a possibilidade de aprender uma profissão. Neste ano, serão duas turmas em Rio do Sul, iniciando em março, nos cursos do SENAI para Almoxarife e Inspetor de Qualidade, e em Ibirama, para Assistente Administrativo.

As matrículas podem ser feitas no SESI, na Rua Prefeito Wenceslau Borini, 2690, Bairro Canta Galo, Rio do Sul. Mais informações pelo telefone e WhatsApp (47) 3531-2217.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui