Jovens formandos 2019, Programa Novos Caminhos (FOTOS: Debora Claudio)

O Programa Novos Caminhos possibilitou vagas de trabalho para 105 jovens, em 54 empresas catarinenses, no ano passado. No Alto Vale do Itajaí, mais 15 adolescentes, de Rio do Sul, Vidal Ramos, Taió e Presidente Getúlio, concluíram a participação no projeto, este ano. Eles frequentaram gratuitamente cursos de Postura Profissional, Informática Básica, Mecânica de Automóveis, Moda e Empreendedorismo, oferecidos pelo SENAI, SESI, SENAC e SEBRAE.

Emanuele Silveira Fortunato, 15 anos, de Vidal Ramos, é uma das jovens atendidas pelo Novos Caminhos. “Eu gostei das aulas, principalmente de informática, pois aprendemos bastante. O professor não ensinou apenas a usar o computador, ele foi muito legal e divertido com a gente. Também foi bom conhecer outros jovens e fazer amigos. Estou muito feliz, quero continuar estudando e me tornar arquiteta”, comentou a menina.

Os jovens, a equipe que atuou no programa e as empresas parceiras foram homenageados durante a solenidade. Em seu discurso, o vice-presidente da FIESC Alto Vale do Itajaí, André Armin Odebrecht, parabenizou os estudantes. “Vocês merecem esse reconhecimento pela dedicação e por darem a si mesmos a chance de trilhar um novo caminho. É importante o apoio das pessoas que lhes acolheram e o seu próprio esforço para ter uma vida digna e de sucesso”, disse André. “Várias entidades se uniram numa mesma preocupação social e se engajaram nesse projeto para transformar a sociedade, oferecendo oportunidades para todos construírem uma carreira. Continuem estudando e façam diferença também”, concluiu o vice-presidente.

A cerimônia contou com a participação de Alcides dos Santos Aguiar, desembargador da Associação dos Magistrados Catarinenses (AMC); Leandro Ernani Freitas, juiz da Vara da Infância e Juventude da Comarca de Rio do Sul; Rossana Sandra Maas, assistente social do Fórum de Rio do Sul, representando o Tribunal de Justiça; Giovane Honorato de Carvalho, diretor executivo do SESI/SENAI Alto Vale; Alvacir Conte, diretora do SENAC de Rio do Sul.

Sobre o Programa Novos Caminhos

O programa prepara adolescentes, a partir dos 14 anos, que vivem em lares de acolhimento, para entrarem no mercado de trabalho e serem independentes ao atingirem 18 anos. O projeto é realizado pela FIESC, desde 2013, em parceria com a Coordenadoria da Infância e da Juventude do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (CEIJ/TJSC), Associação dos Magistrados Catarinenses (AMC), Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/SC), Associação Catarinense de Medicina (ACM), Ministério Público de Santa Catarina (MPSC), Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Santa Catarina (FECOMERCIO) e Fundação ESAG.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui