Vereadores rio-sulenses prestaram homenagem ao HRAV pelo jubileu de prata de funcionamento (Foto: Divulgação)

O envolvimento de todos os segmentos da sociedade possibilitou a retomada e a conclusão das obras do Hospital Regional Alto Vale, que completou no último dia 15, o jubileu de prata de funcionamento. A colocação foi do vereador Marcos Sávio Zanella, durante a sessão solene da Câmara de Rio do Sul, realizada na quinta-feira 19. Foi dele, a proposta da homenagem. O hospital tem como gestora a Fundação de Saúde do Alto Vale do Itajaí (Fusavi).

Zanella destacou que a grande maioria destas 23 entidades que fazem parte da Assembleia Geral da Fusavi é formada por idealistas, e se não fosse desta forma, talvez o hospital sequer existisse hoje. “Esse ideal vem desde 1979 quando o então prefeito Luiz Adelar Soldatelli com visão no futuro decidiu pela sua construção”. O vereador em seu pronunciamento citou cada entidade que participou da criação do hospital e o espírito filantrópico e voluntário envolvido.

O presidente da Fusavi, Giovani Nascimento, destacou a luta contínua para a manutenção. “Vivemos momentos difíceis, com muitas derrotas, mas conseguimos dar a volta por cima a partir do choque de gestão, profissionalizando a sua administração”. Ele citou que o exemplo de economia resultou na maior aquisição da história, com recursos próprios. “Trata-se do aparelho de hemodinâmica, que custou o equivalente a US$ 385 mil dólares à vista”. O equipamento chegou no domingo 15, e deve começar a operar na primeira quinzena de outubro. Nascimento lembrou que o Hospital Regional sempre foi da comunidade do Alto Vale e não apenas de Rio do Sul.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui