Comandante Rudinei Pinsegher do Corpo de Bombeiros Voluntários de Ibirama (Foto: Internet/Divulgação)

Os valores recolhidos na aplicação de penas alternativas pelo Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC) contemplarão três entidades de cidades do Vale do Itajaí, somando um repasse de mais de R$ 880 mil para a região. Em Blumenau, a Associação Congregação de Santa Catarina, o Hospital Santa Isabel, receberá R$ 89 mil para a aquisição de um transdutor ultrassônico, equipamento utilizado para exames de ultrassonografia transesofágica no setor de Cardiologia.

No Alto Vale, a Associação Corpo de Bombeiros Voluntários de Ibirama será contemplada com uma unidade de resgate de vítimas de acidente de trânsito no valor de R$ 311.877,00. O comandante Rudinei Pinsegher ressalta que hoje a corporação possui apenas duas ambulâncias e quando uma delas passa por manutenção ou higienização somente uma delas é usada nos atendimentos. Em levantamento recente, a corporação constatou que em 18 meses 200 pessoas foram atendidas em 100 acidentes ocorridos no trecho de quatro quilômetros da BR-470, em Ibirama, sem citar os acidentes atendidos em toda a região.

“Grande realidade em nosso município e na nossa região são os atendimentos simultâneos e acidentes com múltiplas vítimas. Hoje somente com duas ambulâncias a nossa corporação não consegue suprir essa demanda de atendimentos e a aquisição desse novo veículo, com o recurso que está por vir, será de extrema importância para a gente equipar a corporação com mais uma ambulância e conseguir atender a essa semana de ocorrências que acontece diariamente”, cita.

A Associação foi fundada em novembro de 1983 e no início a corporação fazia apenas atendimento de combate a incêndios, com caminhão cedido pela prefeitura de Ibirama. Próximo ao ano de 2000 iniciaram os atendimentos pré-hospitalar e as demandas começaram a aumentar. Hoje a corporação conta com 86 bombeiros e bombeiras, 13 bombeiros mirins, 13 bombeiros alunos e 60 bombeiros (8 remunerados e 52 voluntários).

Na litorânea Balneário Camboriú, a 7ª Gerência Mesorregional de Perícias do Instituto Geral de Perícias do Estado de Santa Catarina (IGP-SC) terá dois projetos beneficiados – um com a aquisição três viaturas no valor de R$ 220.995,00 e outro com a compra de um equipamento de FT-IR com custo de R$ 260 mil. Todos os projetos serão contemplados no próximo dia 20 de setembro, às 10h, no TJSC, em Florianópolis, no segundo ano do “Pequenas Infrações Gerando Grandes Transformações”.

Desde a criação do Conselho Gestor da Conta Centralizada, o Judiciário catarinense já contribuiu com mais de R$ 10 milhões para custear projetos de grande relevância social. O conselho é formado pelo presidente do Tribunal de Justiça, o corregedor-geral da Justiça, desembargadores responsáveis por órgãos administrativos do Tribunal de Justiça (GMF, CEVID, CEIJ e COJEPEMEC) e o procurador-geral de Justiça. Na análise dos projetos apresentados, o Conselho Gestor conta com o auxílio de uma comissão de apoio, que possui entre suas atribuições auxiliá-lo na avaliação dos cadastros e na seleção dos projetos sociais que serão contemplados com recursos.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui