Reunião do Fórum Parlamentar Catarinense (FPC), nesta segunda-feira 9, na Alesc (Foto: Emerson Gasperin - MDB/SC)

Para evitar a famosa romaria até Brasília, o Fórum Parlamentar Catarinense (FPC) reuniu-se nesta segunda-feira 9, na Assembleia Legislativa, para ouvir propostas de interesse macrorregional, com o objetivo de definir a destinação da Emenda Coletiva de Bancada 2020. A iniciativa pioneira contou com a exposição de 16 entidades e órgãos governamentais, que defenderam a necessidade de recursos para andamento dos trabalhos.

O coordenador do FPC, deputado Rogério Peninha Mendonça (MDB), destacou que o evento foi um movimento inverso ao que era feito anteriormente. “Todos os anos as pessoas precisavam fazer uma verdadeira via-sacra em Brasília, de gabinete em gabinete, para apresentar esses projetos. Com a bancada reunida no Estado, nós poupamos tempo de todos os envolvidos e também teremos uma significativa economia de dinheiro público, já que eles não precisam se deslocar até lá. Foi certamente um divisor de águas, um encontro muito produtivo e que superou todas as nossas expectativas”, concluiu Peninha.

Os representantes fizeram a inscrição uma hora antes do início do encontro, e cada um pôde falar por até cinco minutos para defender sua proposta, com a necessidade de que a pauta fosse de relevância macrorregional, para atender ao interesse do maior número de pessoas. Na lista dos inscritos: Hospitais, Associações, Universidades, Exército, Bombeiro Militar, órgãos públicos e iniciativa privada.

Na próxima semana, deputados e senadores devem se encontrar em Brasília para definir o destino dos recursos. Embora ainda não esteja sacramentado, o valor repassado para indicação da bancada deve ser em torno de R$ 248 milhões, isso porque o volume repassado é de 0,08% da receita corrente líquida anual.

PROPOSTAS APRESENTADAS:

01 – Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes – (DNIT);

02 – Exército Brasileiro;

03 – Universidade Regional de Blumenau – (FURB);

04 – Conselho da Criança – Balneário Camboriú;

05 – Porto de Itajaí;

06 – Investimentos na BR-282, de Santo Amaro até Alfredo Wagner;

07 – Universidade Federal de Santa Catarina – (UFSC);

08 – Hospital São Donato – Içara;

09 – Federação Catarinense de Municípios – (FECAM);

10 – Ministério Público de Santa Catarina – (MPSC);

11 – Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina – (CBMSC);

12 – Hospital e Maternidade Marieta Konder Bornhausen – Itajaí;

13 – Four Wheels Tour;

14 – Federação das Santas Casas, Hospitais e Entidades Filantrópicas do Estado de Santa Catarina – (FEHOSC);

15 – Conselho das Secretarias Municipais de Saúde – (COSEMS);

16 – Companhia Catarinense de Águas e Saneamento – (CASAN).

PARLAMENTARES PRESENTES:

Rogério Peninha Mendonça, Deputado Federal (MDB/SC) – coord. do Fórum Parlamentar Catarinense;

Esperidião Amin, Senador (PP/SC);

Jorginho Mello, Senador (PL/SC);

Ângela Amin, Deputada Federal (PP/SC);

Carmen Zanotto, Deputada Federal (CIDADANIA/SC);

Carlos Chiodini, Deputado Federal (MDB/SC);

Celso Maldaner, Deputado Federal (MDB/SC);

Daniel Freitas, Deputado Federal (PSL/SC);

Darci de Matos, Deputado Federal (PSD/SC);

Fabio Schiochet, Deputado Federal (PSL/SC);

Hélio Costa, Deputado Federal (REPUBLICANOS/SC).

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui