Pesquisa XP indica aumento da rejeição ao governo Bolsonaro

A pesquisa também revelou que 50% dos brasileiros rejeitam a Proposta de Emenda à Constituição da reforma da Previdência

0
763
Ruim e péssima continua evoluindo são 31%, cinco pontos de abril para cá. (Charge: Reprodução Web)

Pelo terceiro mês seguido, a pesquisa da série XP Ipespe revela aumento no número de brasileiros que consideram ruim ou péssima a atuação do governo Bolsonaro. No último levantamento, realizado com 1.000 entrevistas, entre os dias 6 e 8 de maio, os que classificam a administração nessa categoria passaram de 26% para 31%, uma oscilação de cinco pontos de abril para cá.

“Considerando a redução de quatro pontos percentuais entre as pessoas que não responderam ou não sabiam avaliar, é provável que entrevistados desse grupo tenham migrado para uma avaliação negativa do governo”, considerou a pesquisa.

Os integrantes do governo tiveram notas reduzidas em relação ao estudo anterior. Sergio Moro, de 7,3 em janeiro para 6,5; Bolsonaro recuou de 6,7 para 5,7 e uma exceção: Hamilton Mourão, que tinha 5,5 e agora tem 5,6.

A pesquisa também revelou que 50% dos brasileiros rejeitam a Proposta de Emenda à Constituição da reforma da Previdência PEC 6/2019 contra 45% que a apoiam, ainda que 21% divirjam parcialmente do texto.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui