Rio do Sul recebe selo e troféu de finalista do prêmio Prefeito Empreendedor do Sebrae/SC

Prefeito José Thomé destaca as ações que incentivam o fortalecimento da agricultura familiar da cidade

0
282
Prefeito Empreendedor José Thomé e equipe (Foto: AscomRS)

O prefeito de Rio do Sul, José Thomé, recebeu na segunda-feira 29, em Florianópolis, o troféu de finalista do prêmio Prefeito Empreendedor 2019, na categoria Pequenos Negócios no Campo. Em cerimônia realizada na capital do Estado, o Sebrae/SC condecorou pelo 10º ano seguido, iniciativas voltadas para o empreendedorismo e o fortalecimento das ações inovadoras que são realizadas no Estado.

Rio do Sul foi um dos poucos municípios a receber o selo de participação e o troféu de finalista do prêmio. E para o prefeito José Thomé, diversas ações realizadas pela prefeitura nos últimos anos contribuem ao fortalecimento da agricultura familiar.

“Rio do Sul tem grandes diferenciais neste projeto. Abrimos o centro de distribuição de alimentos no Boa Vista, abrimos a Casa Familiar Rural e reabrimos o Centro Agropecuário. Estamos investindo em capacitações, em revisão do programa da Compra Direta e alteramos a legislação das feiras e, também, a rotulagem de produtos. São ações direcionadas para a agricultura familiar, que levam a melhorias econômicas já comprovadas”, declarou o prefeito José Thomé.

O programa agricultor empreendedor em Rio do Sul tem como objetivo capacitar e fomentar o desenvolvimento e a visão de negócios para envolvidos na agricultura familiar no município. A ideia é que através de capacitações, fortalecimento de iniciativas, criação de evento festivo como a Agro Vale, adequação de legislação e editais de compra direta, os produtores rurais tenham incremento de renda e valorização de sua produção.

São cerca de 300 agricultores envolvidos e com diversos benefícios. No ano passado, cerca de R$ 1 milhão foram aplicados em aquisição de alimentos para a merenda escolar adquiridas do produtor local. O resultado já é positivo, pois a movimentação econômica no setor agrícola teve aumento de 23% no ano passado em comparação com 2017.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui