Fundação Cultural recebe oficinas de música e show com Raul Misturada e Paulo Monarco

O evento Caminhos da Música ocorre de 13 e 15 de março, será gratuito e terá atividades direcionadas à classe artístico-musical e ao público em geral

0
151
Raul Misturada e Paulo Monarco

Nos dias 13, 14 e 15 de março, a Fundação Cultural de Rio do Sul recebe o evento Caminhos da Música, com os músicos e compositores Raul Misturada e Paulo Monarco, artistas que vêm contribuindo e se destacando por suas novas formas de expressão no atual cenário musical brasileiro.

Nos dias 13 e 14, às 19h, serão ministradas oficinas focadas no processo criativo e na autogestão de carreira artística. As mesmas são direcionadas para músicos, profissionais ou estudantes, compositores, produtores culturais e musicais, e demais profissionais ligados ao setor (a partir dos 14 anos de idade).

No dia 15, às 20h, haverá show de encerramento do evento, aberto para a toda a comunidade rio-sulense (Classificação livre).

A proposta do evento, viabilizado através do Prêmio Nodgi Pellizzetti de Incentivo à Cultura 2018, é contribuir para a profissionalização do setor e fomentar atividades de formação musical. Com as constantes transformações do mercado de trabalho na área artística, requer-se criatividade, tanto no processo composicional, como também na autogestão e condução da carreira musical, exigindo que o artista se atualize constantemente sobre os novos direcionamentos, sejam eles de público, tecnológicos, processos de comunicação, etc.

Para fechar o evento, no dia 15 de março, às 20 horas, Raul Misturada e Paulo Monarco, farão um show, aberto à toda comunidade, no qual será apresentado seu repertório autoral, voltado para a música brasileira contemporânea.

Sobre as oficinas e ministrantes

Oficina 1: Desmantelando o seu juízo – o processo entre a ideia e o produto

13/03/2019, às 19 horas, na Fundação Cultural de Rio do Sul

Ministrante: Raul Misturada – Duração: 3 horas

Público: músicos, profissionais ou estudantes, compositores, produtores culturais e musicais (a partir dos 14 anos de idade).

Cada vez mais, a música independente força a autogestão artística e administrativa nos nichos ou no mainstream. Como conduzir isso?

Nesta oficina, Raul Misturada conta como conseguiu desenvolver sua estética e pesquisa sobre o violão híbrido e como através disso foi premiado em mais de trinta festivais.

A oficina destrincha o processo desde a ideia melódica até a realização de turnês. Raul Misturada é cantautor, instrumentista e produtor musical. Já produziu mais de trinta discos e tem sete álbuns autorais (Warner Chapell/Cafezinho). Raul é um artista premiado em mais de 40 festivais de música pelo país e tem parcerias com artistas renomados como Zeca Baleiro, Dulce Quental, entre outros. Foi indicado em três categorias no Prêmio Profissionais da Música aqui no Brasil, e acaba de voltar de uma residência artística itinerante (Plus Musik-Suíça/França/Espanha) e uma turnê europeia do seu mais recente disco, que tem participação de Tetê Espíndola e Duofel. Raul é sócio e produtor do ateliê de música Cobogó, em São Paulo, e recentemente se tornou membro votante do Grammy Latino.

Oficina 2: Memórias y sons y musica

14/03/2019, às 19 horas, na Fundação Cultural de Rio do Sul

Ministrante: Paulo Monarco

Duração: 3 horas

Público: músicos, profissionais ou estudantes, compositores, produtores culturais e musicais (a partir dos 14 anos de idade).

A oficina Memórias y Sons y Música propõe compartilhar experiências através do baú da memória de cada pessoa. A partir de uma roda de conversa é que surgirão os materiais com os quais desenvolveremos nosso laboratório sonoro-musical.

Todas as gentes do mundo têm suas memórias. Independente da qualidade dessas memórias, elas estão impressas em nós – verbal, não verbal, consciente ou inconscientemente. Como uma espécie de HD ambulante, nós, humanos, acumulamos experiências ao longo dos tempos e nos tornamos, de vários modos, espelhos de nós mesmos. Sendo assim, como nossas memórias afetam nossa maneira de ser e perceber o mundo, e de que maneira relacionamos tais informações com os sons, e o que comunicamos através da música?

Paulo Monarco iniciou sua trajetória em Cuiabá, onde participou de diversos trabalhos como compositor, cantor, violonista e arranjador, dirigindo shows e produzindo discos de artistas locais. No Brasil, já participou e foi premiado em mais de 70 festivais e mostras de música (Fampop, Botucanto, Fenac, Conexão Vivo, Femucic, entre outros). Junto com Carlos Posada, César Lacerda e Tó Brandileone, em 2013, participou do projeto Inusitado: Lenine apresenta Cantaurores, a convite do cantor e compositor Lenine. Com a cantora e atriz Dandara, desenvolve o projeto Dois Tempos de Um Lugar, assinando a autoria da maior parte das canções (parcerias com Celso Viáfora, Suely Mesquita, Zeca Baleiro, entre outros jovens compositores).

SERVIÇO:

Caminhos da Música

13 e 14/03 – 19h – Oficinas de concepção artística e autogestão de carreira musical

Local: Fundação Cultural de Rio do Sul

Classificação etária: 14 anos

Inscrições: (47)9913-25606 / Secretaria Fundação Cultural de Rio do Sul

www.facebook.com/caminhosmusica – VAGAS LIMITADAS!

15/03 – 20h – Show Raul Misturada e Paulo Monarco

Local: Fundação Cultural de Rio do Sul

Classificação etária: Livre

TODOS OS EVENTOS SERÃO GRATUITOS!

Texto e informações: Siara Bonatti – Bb7M (Cientista social e produtora cultural)

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui