Zona Franca, coluna do jornalista Luiz Carlos Dacol – Caixa 2, eleições, curtas e meditação. Confira!

0
148

Partido dos Trabalhadores de Rio do Sul realiza encontro regional

O Partido dos Trabalhadores está preparando evento regional, neste sábado, 11, a partir das 19h30, no salão comunitário da igreja Católica, no Bairro Barragem, em Rio do Sul.

Lideranças de todo o Alto Vale são esperadas, além da presença do pré-candidato a deputado estadual Jean de Liz, o pré-candidato a governador de Santa Catarina, Décio Lima, os pré-candidatos ao Senado, Lédio Rosa e Ideli Salvatti e pré-candidatos a deputado federal. O encontro vai promover um jantar de confraternização e de arrecadação para o partido.

“Estamos na luta por uma sociedade melhor, por justiça e inclusão social, igualdade de oportunidade, para mudar o governo estadual e federal e melhorar o perfil do parlamento do estado e do país”, afirma Thiago Nascimento, presidente do PT de Rio do Sul.

Pois é: Só vendo pra crer

Com Caixa 2, que a Justiça Eleitoral reconhece e condenou em primeira instância, o ex-vereador José Eduardo R. Thomé foi eleito prefeito de Rio do Sul. Filho do grande homem público, Deputado, com D maiúsculo, J. Thomé, até o momento não mostrou a que veio. Decorridos mais de um ano e meio de governo, exceto alguns mutirões na área da Saúde e um “suposto” fim das filas de espera das vagas das creches e educação infantil, “suposta” porque as vagas não seriam nos locais de mais necessidade, a administração José Eduardo tem se caracterizado por projetos, muitos, muitos projetos, mas nada realizado até agora; boas intenções, da qual o inferno está cheio.

Falta ao alcaide – aprendiz de burgomestre – a garra e a determinação do saudoso J. Thomé, com o qual convivemos e corremos o Alto Vale a bordo da “famosa” Rural Wyllis azul, que regulada para economizar gasolina nas subidas mais acentuadas “tossia”. O deputado, vice-prefeito de Rio do Sul, empresário, Thomé, era um homem de princípios, honesto, empreendedor e muito trabalhador. Ele começou a vida na boleia de um caminhão.

O que se espera do filho José Eduardo? Que se sair vencedor no processo de cassação no Tribunal Regional Eleitoral, deixe de lado a demagogia, a conversa afiada, o salto alto … E dedique-se a, realmente, ser prefeito de Rio do Sul. Que passada essa fase, se vencedor – as possibilidades são boas – deixe de lado os mimimi… leia a biografia do seu genitor, arregace as mangas e trabalhe de fato em prol da gente rio-sulense.

Muita gente não acredita. Conterrâneos têm afirmado, que neste caso, são iguais ao apostolo Thomé … Só vendo para crer!

Mas é o que temos! E a vida que segue …

Vamos votar em candidatos da Região

O Alto Vale tem oportunidade de aumentar sua representação na Câmara Federal e na Assembleia Legislativa (Alesc). Bons candidatos se apresentaram e, se nossa gente se unir, votando nos candidatos da Região, podemos elegê-los e ainda sobrará votos. Está na atitude dos eleitores a melhoria da representação política regional.

Para deputado federal, o Alto Vale conta com três nomes, os estreantes Jorge Goetten, rio-sulense por adoção, empresário de sucesso que concorre pelo Partido da República (PR) e Nilson Stainsack, ex-prefeito de Presidente Getúlio, pelo Progressista. Rogério Peninha Mendonça (PMDB) buscar a reeleição. (Vale lembrar que a Região já teve três representantes em uma legislatura na Câmara Federal.)

Para a Alesc, os estreantes Jean de Liz (PT), com boa bagagem política, foi vereador e vice-prefeito de Rio do Sul, empresário bem sucedido e muito dedicado à área educacional; Maria Helena Zimmermann (PR), a Kika, advogada, ex-vereadora e ex-secretária municipal de assistência social; Francisco Goetten, o Chico da Rouxinol, pelo Progressista, vereador com larga militância política na Região. Buscam a reeleição Aldo Schneider (MDB) e Milton Hobus (PSD), nomes que dispensam comentários, pelo excelente desempenho de ambos em prol do Alto Vale.

E por falar em Brasília…

O jornalista Eric Nepomuceno, do Nocaute, ressalta que “a atual legislatura é a de mais baixo nível intelectual, ético, moral, político desde a volta democracia” e é chegada “a hora da gente pensar com muita calma quem vai para Brasília (câmara federal) para impedir que esse bando de sacripantas continue a dominar a política brasileira. Portanto, quem votou a favor dessa barbaridade que o Michel Temer chama de reforma trabalhista, PEC 95, quem votou a favor do impeachment, a favor do golpe institucional contra a presidenta Dilma Rousseff. Vamos anotar esses nomes com cuidado, em cada estado brasileiro”, alerta. (247)

C U R T A S

  • Participei do programa “Prosas & Gaitas”, deputado Dirceu Dresch, no último domingo: https://www.facebook.com/dirceudresch13/videos/240297356616330/ – A última edição, apresentada desde Rio do Sul, teve mais de 40 mil apreciadores, de todo o Estado. Semanalmente, sempre aos domingos, às 19h, “Prosas & Gaitas” é gerado de uma cidade catarinense. Confira!
  •  Vale destacar o sucesso de dois marinheiros de primeira viagem, Chico da Rouxinol e James Bombeiro, vereadores que presidiu e preside a Câmara Municipal. Administrações coerentes, respeitosas, pés no chão e econômicas. As sobras financeiras devolvidas ao executivo proporcionaram muitas ações positivas à nossa gente.
  • # Ituporanga promove em 2019, a XXV Festa Nacional da Cebola. O lançamento ocorreu no gabinete do prefeito Lorinho, nesta quinta-feira 9. Ela será realizada nos dias 4 a 7 de abril, no Parque da Cebola, no Cerro Negro. Preside a CCO, o secretário de Desenvolvimento Econômico de Ituporanga, Adriano Velho.
  • # O PSD de Taió quer eleger Jorge Goetten (PR) deputado federal e para isso estaria “bolando” uma dobradinha com o deputado Milton Hobus. Será que vai dar certo?
  • # O País registrou 63.880 mortes violentas em 2017, sendo o maior número de homicídios da história. Sete pessoas foram assassinadas por hora no ano passado, aumento de 2,9% em relação a 2016; os dadas foram divulgados pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública. O Brasil de temer e Jungmann.
  • # Mais uma porrada nos pobres! … Enquanto libera isenções e renúncias fiscais aos ricos, temer anuncia mais um corte no gasto social. Agora no Benefício de Prestação Continuada (BPC) que atende idosos e deficientes em situação de miséria.

Para Meditar

A diferença entre um estadista e um demagogo é que este decide pensando nas próximas eleições, enquanto aquele decide pensando nas próximas gerações. Winston Churchill

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui