Juros vão subir no Plano Safra da Agricultura Familiar

0
887

Setor é responsável por mais de 70% dos alimentos

A preocupação da Fetraf/SC (Federação da Agricultura Familiar de Santa Catarina), é que acesso ao crédito fique mais difícil, pois o governo Temer já sinalizou que pretende fixar a taxa em 5,5% em todos os contratos.

O Plano Safra 2017/2018, que será lançado em julho, deverá ter diminuição de credito e aumento dos juros.

O Programa de Fortalecimento da Agricultura Familiar – PRONAF, que nos seus 20 anos sempre recebeu aumento de recursos e diminuição das taxas de juros, estando atualmente R$ 30 bilhões e taxas de juros que vária de 2,5% a 5,5%. Com a proposta do governo para esta nova safra é de aumento nos juros e diminuição do crédito. O Coordenador Finanças da Fetraf/SC, Marcos Rozar, diz se mostrar preocupado “pois isto vai dificultar o acesso ao crédito, principalmente pelos agricultores que mais necessitam que são os de menor condições de capacidade de pagamento. Com isso, o resultado será de empobrecimento no campo e aumento dos preços dos alimentos  para a população do pais”.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui